Arquivo

Voltar para a Home
Ação

Machete

Imagine aquela voz gutural, que vem lá do fundo, rouca. Aquela que surge nos melhores trailers. Agora, coloque-a neste texto: “Ele conhece as regras. Ele conquista as mulheres. Ele mata os homens maus. Ele é… MA – CHE – TE”. Aí o filme começa. E realmente ele conhece as regras, conquista as mulheres (as lindas) e mata os maus (e as más). Ah, e, sim, o nome dele é Machete. Simples, objetivo… e ótimo! O mais recente filme do diretor

Comédia

O Cheiro do Ralo

Caramba, como é bom O Cheiro do Ralo. Não… não que eu tenha entrado na onda do protagonista Lourenço, que adora, depois de odiar, o cheiro nauseabumbo do ralo em seu “banheirinho”. Refiro-me ao filme mesmo, à obra de Heitor Dhalia baseada no livro homônimo de Lourenço Mutarelli. Está aí um filmaço brasileiro. Na trama, Lourenço (Selton Mello) é comprador de objetos usados. Vive enfurnado em um galpão, recebendo gente de toda a sorte, quase sempre desesperada para vender algum

Drama

O Quarto Verde

Este domingão foi atípico na tela de minha casa. Havia duas opções de filmes totalmentes opostas. Estavam lá na “prateleira” Rejeitados pelo Diabo e O Quarto Verde. O primeiro foi dirigido e roteirizado por Rob Zombie, o ex-líder do White Zombie. O segundo é do célebre francês François Truffaut, com ele, inclusive, atuando. Sobre Rejeitados a Má Sampaio já postou aqui (quero deixar claro que estou com medo dela… muito!), e minha opinião está nos comentários. Mas o que adianto

Documentário

A Ilha de Bergman

Para ver A Ilha de Bergman você precisa estar bem disposto. De 2006, é um documentário lento, devagar como um senhor de 88 anos. Ingmar Bergman pela primeira vez fala para a diretora Marie Nyreröd e para o mundo sobre as suas obras e seu estilo de vida, na Ilha de Faro, na costa da Suécia, onde faleceu alguns anos depois. Para todos aqueles que são fãs de sua obra é um prato cheio. Ele está bem intímo com a

Drama

O Segredo de Brokeback Mountain

Obra de arte. Deixe para trás teorias e preconceitos, definições a respeito do amor, da solidão, da vida. O Segredo de Brokeback Montain remonta pra mim a definição perfeita de uma paixão idealizada, muito longe da vida real e talvez, e principalmente, por isso seja tão fascinante. A polêmica em torno do filme de Ang Lee fez com que a crítica e a opinião pública se voltasse tão fortemente para a temática gay que acabaram deixando passar quase que despercebido