A Esposa

A Esposa

Rating

5 out of 5
PARE TUDO E VÁ VER!

Total

5
5 out of 5

A Esposa mostra como Glenn Close é uma das grandes atrizes de todos os tempos. Aos poucos, ela domina o filme e, junto com o roteiro, conquista nos detalhes.

Pode demorar um pouco para o espectador notar o que faz de Joan (Glenn Close) a protagonista deste filme. Tudo ocorre em torno do marido, o prestigioso escritor Joe Castleman (Jonathan Pryce). Pudera… ele acaba de ganhar um Nobel de Literatura. Chegam juntos elogios e congratulações. À esposa, cabe o papel de apoiadora, de suporte para o sucesso.

A primeira metade do longa é dedicada à dinâmica do casal, junto do filho David (Max Irons), escritor iniciante. Porém, com a viagem a Estocolmo, Suécia, para receber o prêmio máximo da literatura, aflora a angústia dentro do relacionamento.

Nada é escancarado. O casal se ama, mas é no cotidiano que se perde o sentimento. Ele tem a soberba aflorada, ela ganha raiva. Ao apontar o horário do remédio dele, algo banal à vista de muitos, ela se questiona. E os exemplos se acumulam.

Close oferece uma atuação contida, porém jamais vazia: cada expressão silenciosa ao lado do marido carrega uma infinidade de sentimentos, que se acumulam ao longo da trama… e da vida dos personagens.

Jonathan Pryce, também habilidoso, evita transformar seu personagem em vilão, navegando entre a ternura e a grandiloquência com desenvoltura.

Adaptação do livro “The Wife”, de Meg Wolitzer, A Esposa traz à tela um machismo que muitas vezes não se percebe no dia a dia de ações. Ou quase não se percebe, como aponta o filme.

_________________________________________________________________________

A Esposa / The Wife
CLASSIFICAÇÃO: PARE TUDO E VÁ VER!
Ficha técnica:
Duração
: 101 min
Direção: Björn Runge
Elenco: Glenn Close, Jonathan Pryce e Max Irons
Gênero: Drama

Categorias: Drama
Tags: A Esposa

Sobre o Autor

Escreva um Comentário

Seu endereço de e-mail não será divulgado.
Campos obrigatórios*