O Verão da Minha Vida

O Verão da Minha Vida

Rating

4 out of 5
Duca

Total

4
4 out of 5

Não sei você, mas eu adoro filmes sobre o amadurecimento na adolescência, a passagem para a vida adulta. Nos últimos tempos o melhor que vi é As Vantagens de Ser Invisível. Mas este O Verão da Minha Vida é forte concorrente.

Duncan (Liam James) é um menino pré-adolescente. Ele abre o longa no “chiqueirinho” de uma perua. Guiando o carro em direção à sua casa de praia está Trent (Steve Carell), o novo namorado da mãe (Toni Collette) do menino. No primeiro diálogo, Trent pergunta a Duncan: “De um a dez, que nota você acha que você é?”. O menino: “Seis”. O adulto: “Eu acho você um três”.

É por aí que parte o filme, com chatice e tristeza do menino em ter de suportar o quase padrasto. Na praia, onde chegam para passar as férias, nada agrada. Até que surge Owen (Sam Rockwell), que se mostra funcionário de um parque aquático. Aparace com ele o despertar de uma vida.

O elenco é recheado de ótimos atores. Liam James, o protagonista, manda super bem. Parece que na vida real é tímido como seu personagem. Faz com que acreditemos nele. Toni Collette, a mãe, está, como sempre, sem tirar nem pôr. Steve Carell é surpreendente. Interpreta um tipo bastante diferente de seus trabalhos anteriores. Ele é, em suma, babaca. Se colocarmos a cabeça para pensar, é possível lembrar uma série de filmes com papéis dramáticos dele (Procura-se Um Amigo para o Fim do Mundo e Um Divã para Dois são exemplos), mas a imagem que fica é sempre das comédias escrachadas.

Mas o destaque é Sam Rockwell. Como este cara é bom! Ainda mais em papeis do estilo “bonachão”, o fulano que não liga para os outros, faz o que dá na telha. Em Sete Psicopatas e Um Shih Tzu e Os Vigaristas ele já teve papeis assim. Está muito divertido, totalmente à vontade como o mentor do jovem Duncan. É, disparado, o melhor do filme.

Ah, injustiça seria não citar Jim Rash, que interpreta Lewis, um funcionário do parque que a todo momento avisa que irá pedir demissão. É hilário! Daqueles personagens pequenos que engrandecem a obra.

Duas curiosidades: Toni Colette e Steve Carrel, que neste filme formam um casal, já estiveram juntos em Pequena Miss Sunshine, mas como irmãos. E o diretor e roteirista Jim Rash afirmou que a cena inicial foi inspirada em uma conversa que teve com o seu próprio padrasto aos 14 anos de idade.

Aliás, é o primeiro longa-metragem de Rash, ao lado de Nat Faxon, que já levou um Oscar pelo roteiro de Os Descendentes, junto com Alexander Payne. O Verão da Minha Vida agrada adolescentes e adultos. Se pegar num dia nostálgico, então, aí ninguém segura, garanto.



O Verão da Minha Vida / The Way Way Back 


CLASSIFICAÇÃO: DUCA 


Ficha técnica: 
Gênero: Comédia
Direção: Nat Faxon e Jim Rash
Roteiro: Nat Faxon e Jim Rash
Elenco: Steve Carell, Toni Collette, Liam James, Sam Rockwell, Zoe Levin, Allison Janney, Maya Rudolph, Amanda Peet, Rob Corddry, Annasophia Robb, River Alexander, Nat Faxon, Jim Rash e Robert Capron
Duração: 103 min.
Ano: 2013

Categorias: Comédia

Sobre o Autor

Escreva um Comentário

Seu endereço de e-mail não será divulgado.
Campos obrigatórios*