Assassinos de Aluguel

Assassinos de Aluguel

Rating

1 out of 5
Nem a pau, Juvenal!

Total

1
1 out of 5

Robert DeNiro e Forest Whitaker são dois policiais corruptos. Pensei: “Assassinos de Aluguel pelo menos começa bem”. Mesmo com 50 Cent como protagonista, apostei. E perdi.

Como que uma dupla como DeNiro e Whitaker pode fazer um filme ruim de doer como este? Tem nada que sobre. Desde a primeira cena já se percebe a porcaria que virá.

50 Centinterpreta um ex-delinquente que vira policial para honrar seu pai, morto em serviço pela polícia de Nova York. Logo de cara o ex-parceiro de seu pai lhe oferece uma vida de corrupção, o que ele aceita rapidinho. E de repente trata de colocar seus dois melhores amigos na jogada.

Mas, afinal, quem é “mocinho” do filme. E qual o objetivo? Nada. E, claro, vem sempre a redenção.

De Niro é o ex-colega do pai policial. E Whitaker é seu braço direito. Dois papeis mediocres para a qualidade deles. E ainda há um monte com esta característica, gente desnecessária, que só preenche espaço, sem qualquer benefício à trama.

Que desperdício de grandes atores. E o 50 cent, que é o produtor, tem uma autuação à altura de seu apelido. É melhor continuar na música.


Assassinos de Aluguel / Freelancers


CLASSIFICAÇÃO: NEM A PAU, JUVENAL!


Ficha ténica:


Ano: 2012
Direção: Jessy Terrero

Roteiro: L. Philippe Casseus

Produção: 50 Cent, Randall Emmett e George Furla

Gênero: Policial

Duração: 96 min.

Elenco: 50 Cent, Robert DeNiro, Forest Whitaker, Beau Garrett e Michael McGrady

Categorias: Ação

Sobre o Autor

Escreva um Comentário

Seu endereço de e-mail não será divulgado.
Campos obrigatórios*