King Kong X Godzilla

King Kong X Godzilla

Rating

1 out of 5
Nem a pau, Juvenal!

Total

1
1 out of 5

Sim, eu tive coragem: assisti a King Kong X Godzilla. Vi a versão norte-americana, do estúdio Universal, com todos os personagens falando inglês. É simplesmente uma continuação de Inoshiro Honda ao seu clássico Godzilla (há pelo menos 28 filmes do monstrengo!). Simplesmente mesmo! Pois haja simplicidade nesta obra de 1963. É uma mistura de Chapolim Colorado (com suas pedras de isopor em Marte) e Jaspion (com seus monstros gigantes).

Sucesso de público no Japão (haveria uma continuação, chamada Continuação: King Kong X Godzilla, mas os detentores dos direitos de Kong impediram), o filme (imagine!!!) trata do confronto entre os dois monstros. A versão dos Estados Unidos corta partes e mais partes da japonesa. O produtor John Beck colocou no lugar de cenas originais atores americanos interpretando repórteres, comentando cada ação.

É um apanhado de passagens inacreditáveis, que fazem com que os dois personagens se enfrentem em pleno Japão. Godzilla sai de um iceberg, cheio de radiação atômica. Já King Kong é retirado de sua ilha (ali pertinho) por uma indústria farmacêutica e um canal de televisão.

As cenas são tão surreais que o filme, de uma hora para outra, passa a ter várias partes de comédia. Aliás, o humor era até maior na obra original, mas o americano Beck resolveu ter um certo critério.

Há um “super arame”, inventado por um fulano qualquer, que consegue carregar Kong amarrado em balões – até o monte Fuji, onde Godzilla está. Os nativos da ilha do gorila são japoneses fantasiados de índios, que ainda sofrem com um polvo gigante. Kong e Zilla andam em pleno alto mar, mas nas cenas em cidades são do tamanho de um prédio (claramente dois homens fantasiados). Os tanques são de brinquedo. Os dois bichos não sofrem com as armas do exército japonês – Zilla é apenas parado com eletricidade (????). E o toque final… quando o macacão está apanhando na briga final, cai um raio e ele fica elétrico, dando choque no lagartão.

Bom… já deu para perceber, né? Só o valor histórico mesmo….

King Kong X Godzilla / Kingukongu tai Gojira

CLASSIFICAÇÃO: NEM A PAU, JUVENAL!

Ficha técnica:

Diretor: Ishiro Honda
Efeitos especiais: Eiji Tsuburaya
Duração: 83 min.
Elenco: Tadão Takashima, Kenji Sahara, Yu Fujiki, Ichirô Arishima e
Jun Tazaki
Gênero: Aventura

Categorias: Aventura

Sobre o Autor

Comentários

  1. Danilo Vicente
    Danilo Vicente Author 15 fevereiro, 2011, 23:08

    Vi pela internet… na madruga.

  2. Renata Rogatto
    Renata Rogatto 15 fevereiro, 2011, 17:29

    Peraí, não tinha mais nenhum disponível no NetMovies/Blockbuster?

  3. Marina Sampaio
    Marina Sampaio 14 fevereiro, 2011, 14:11

    hahahahahahahahahahahahhahahahahaha

Escreva um Comentário

Seu endereço de e-mail não será divulgado.
Campos obrigatórios*