Grande Tubarão Branco

Grande Tubarão Branco

Rating

2 out of 5
ESPERE A SESSÃO DA TARDE

Total

2
2 out of 5

DISPONÍVEL NA NETFLIX

Mais um filme de tubarão. Desde o clássico de Steven Spielberg lançado em 1975, a fórmula de terror com o peixão já ganhou cerca de 50 filmes! Agora, a Netflix chega com o australiano Grande Tubarão Branco. Já dá para imaginar a história.

Kat (Katrina Bowden) e Charlie (Aaron Jakubenko) são um casal que oferece passeios de avião monomotor para sobrevoar as belas praias da costa da Austrália. Eles recebem telefonema de Michelle (Kimie Tsukakoshi) e Jo (Tim Kano), que querem sobrevoar uma praia mais afastada – o que significa um bom pagamento. Porém, na praia, eles encontram o corpo de um turista devorado pelo que parece a mordida de um tubarão. Encontra-se a foto do morto com uma namorada, e o grupo decide ir atrás dela.

Até a aparição do tubarão o filme segue razoável. O problema é exatamente quando o avião deles é atacado pelo bicho. Isso mesmo, o avião é atacado. Aí começa a descambar.

Nitidamente o orçamento do longa foi curto, porque pouco se vê do tubarão. É muito mais sua barbatana acima da água do que sua bocarra aberta.

O roteiro de Michael Boughen é inseguro. O personagem Jo é gratuitamente grosseiro, talvez por ter medo de água. Pouco se explica. Sua esposa, Michelle, quer levar as cinzas de seu avô morto no local – mais um ponto quase nada explicado. O pior é o tubarão que não para de perseguir o quinteto (há também um cozinheiro, Benny, interpretado por Te Kohe Tuhaka, que tem uma “queda” por Michelle – de novo, sem explicação).

Isso tudo nem de perto supera os momentos finais, de porrada no tubarão. Sim, literalmente. Terror? Nada. É suma aventura, bem fraca.

_____________________________________________________________________________

Grande Tubarão Branco / Great White
CLASSIFICAÇÃO: ESPERE A SESSÃO DA TARDE
Ficha técnica:
Roteiro
: Michael Boughen
Direção: Martin Wilson
Gênero: Aventura
Ano: 2021
Duração: 90 min.
Elenco: Katrina Bowden,Aaron Jakubenko,Kimie Tsukakoshi, Te Kohe Tuhaka e Tim Kano

Sobre o Autor

Escreva um Comentário

Seu endereço de e-mail não será divulgado.
Campos obrigatórios*